Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Reitoria > Programas Especiais > PRONATEC > Alunos do Pronatec em Xapuri concluem curso em suinocultura
Início do conteúdo da página
PRONATEC

Alunos do Pronatec em Xapuri concluem curso em suinocultura

Aulas foram realizadas na comunidade rural do município, na Escola Municipal Alves Kaury

  • Publicado: Quinta, 09 de Março de 2017, 05h54
  • Última atualização em Quinta, 09 de Março de 2017, 12h35

Alunos da comunidade do Polo Agroflorestal de Xapuri concluíram o curso profissionalizante, na modalidade de Formação Inicial e Continuada (FIC), em suinocultura. As aulas, que fazem parte do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), do Instituto Federal do Acre (IFAC), foram realizadas na Escola Municipal Rural Jofre Alves Kaury. Ao todo, 19 pessoas foram qualificadas ao longo de três meses.  

Durante as aulas, que eram realizadas aos finais de semana, nos período matutino e vespertino, os alunos puderam aprender como manejar suínos em todas as fases de criação, como também conhecer os diferentes sistemas de produção, desenvolver manejo alimentar e elaborar rações, além de aprenderem a maneira adequada de higienização dos criadouros e abate, obedecendo assim as normas da legislação vigente.

De acordo com professor João Oliveira, responsável por ministrar as aulas na comunidade, a oferta do curso de Suinocultura corresponde aos objetivos do PRONATEC, que são os de ampliar as oportunidades educacionais dos trabalhadores.

“O curso ofertado na comunidade desenvolve um papel de grande importância, pois contribui para o desenvolvimento da sustentabilidade local, amplia a autonomia econômica e ainda incentiva a criatividade por meio da valorização da produção regional’’, destaca João Oliveira.

Para o coordenador adjunto do Pronatec, Mizael Silva, a capacitação ofertada está contribuindo para elevação da qualidade dos serviços prestados à sociedade. “Foram meses de muito aproveitamento. A formação desses estudantes irá contribuir com o desenvolvimento socioeconômico da região articulado dessa maneira ao processo de democratização e justiça social”.

Fim do conteúdo da página