Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Reitoria > Pesquisa > ProfEPT > Abertas inscrições para Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica no Ifac
Início do conteúdo da página
ProfEPT

Abertas inscrições para Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica no Ifac

Curso faz parte do Programa de Mestrado Profissional ofertado pela Rede Federal; no Acre estão sendo ofertadas 24 vagas

  • Publicado: Quinta, 13 de Fevereiro de 2020, 08h00
  • Última atualização em Quarta, 12 de Fevereiro de 2020, 16h53
imagem sem descrição.

Estão abertas as inscrições para o Programa de Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT) ofertado pela Rede Federal. As inscrições seguem até o dia 18 de março e devem ser realizadas pelo site https://profept.ifes.edu.br/.

Responsável pela oferta do curso no estado acreano, nesta edição o Instituto Federal do Acre (Ifac) está ofertando 24 vagas, sendo 12 delas destinadas para comunidade e as demais para servidores da Rede Federal. A taxa de inscrição é de R$ 72,00.

Conforme edital, os candidatos que tiverem interesse em solicitar isenção de pagamento, devem realizar a solicitação até o dia 21 de fevereiro. O resultado das solicitações será divulgado no dia 28 de fevereiro.  

Acesse aqui o edital

Para concorrer as vagas, os candidatos irão realizar o Exame Nacional de Acesso, que será aplicado no dia 17 de maio. A prova contará com 50 questões de múltipla escolha. A bibliografia contará com textos e obras que tratam sobre as Bases Conceituais e Históricas da Educação Profissional e Tecnológica, como também sobre as Metodologias de Pesquisa e Teorias e Práticas de Ensino e Aprendizagem.

ProfEPT

Ofertado em 40 instituições da Rede Federal, o Programa de Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica é coordenado nacionalmente pelo Instituto Federal do Espírito Santo. Em 2020, o ProfEPT está ofertando 913 vagas em todo o país.

O objetivo do programa é proporcionar formação em Educação Profissional e Tecnológica, visando tanto a produção de conhecimento como o desenvolvimento de produtos, por meio da realização de pesquisas que integrem os saberes inerentes ao mundo do trabalho e ao conhecimento sistematizado pertinentes à educação profissional de nível básico ou em espaços não-formais.

Fim do conteúdo da página