Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Campus Tarauacá > Alunos de Gestão do Agronegócio realizam visitas técnicas em Tarauacá
Início do conteúdo da página
Campus Tarauacá

Alunos de Gestão do Agronegócio realizam visitas técnicas em Tarauacá

Primeira turma do curso pôde conhecer a Cooperativa Agroextrativista de Tarauacá, o Frigorífico Frigordo e a empresa de Laticínios Jaburu

  • Publicado: Quarta, 04 de Dezembro de 2019, 13h32
  • Última atualização em Segunda, 09 de Dezembro de 2019, 08h12

 

A Coordenação do Curso Superior de Tecnologia (CST) em Gestão do Agronegócio do Instituto Federal do Acre (Ifac) campus Tarauacá promoveu, nos meses de outubro e novembro, três visitas técnicas a empreendimentos ligadas ao agronegócio na cidade. As visitas com a primeira turma do curso superior foram nos dias 26 de outubro, 9 e 30 de novembro.

As atividades começaram no dia 26 de outubro, quando os alunos visitaram a Cooperativa Agroextrativista de Tarauacá (CAET) que trabalha com o beneficiamento de polpas de frutas, açaí, farinha e borracha. O grupo foi recebido pela presidente da Cooperativa, Socorro Amorim, e conheceram todas as estruturas do empreendimento, como o estoque de insumos, o depósito de farinha beneficiada, os maquinários de beneficiamento, as câmaras de climatização, entre outros. A CAET é a primeira agroindústria de Tarauacá e beneficia mais de 150 famílias que vivem às margens de rios e igarapés da região.

No dia 9 de novembro, os alunos visitaram o complexo industrial do Frigorífico Frigordo, localizado às margens da BR 364, próximo ao campus do Ifac. Durante a visita técnica, os alunos foram recebidos pelo gerente do complexo Industrial, Geniberg, que mostrou as estruturas do local que possui uma das plantas industriais mais modernas do Acre. O gerente explicou sobre todo o fluxo do frigorífico, desde a recepção dos animais até o abate. Ele ressaltou a legislação aplicada ao abate, organização do ambiente, segurança, higiene e saúde do trabalho. Como ainda não há animais sendo abatidos no local, os alunos puderam manusear todos os maquinários.

Com as obras recém-concluídas e no aguardo apenas das licenças para iniciar o funcionamento, o Frigorífico é um empreendimento de grande monta para a cidade de Tarauacá. Segundo o proprietário, José Teles, foram investidos nas obras e no maquinário mais de 15 milhões de reais.

Finalizando o calendário de visitas, a turma conheceu no dia 30 de novembro, a empresa Laticínios Jaburu. Os alunos foram recebidos pela gerente, Francisca, que lhes mostrou todas as etapas do processo de beneficiamento do leite, desde a recepção, filtragem, pasteurização, embalagem e refrigeração.

Para o coordenador do Curso de Tecnologia em Gestão do Agronegócio, Tayson Teles, as visitas são importantes para proporcionar novas experiências para os alunos, numa interação com a comunidade e o empresariado local.

“Estou muito feliz com as visitas técnicas realizadas pelos nossos alunos. Quando entramos nos três lugares que visitamos, vários deles disseram que nem sabiam que esses lugares existiam, em sua própria cidade. É o Ifac proporcionando novas experiências para os alunos, numa interação com a comunidade e com o empresariado. Os empreendimentos visitados são muito modernos e no futuro, certamente, vários de nossos alunos trabalharão neles como tecnólogos em Gestão do Agronegócio.”

A professora Ívina Freitas destacou a possibilidade de relacionar os conteúdos aprendidos em sala de aula com a prática. “Minha avaliação quanto às visitas técnicas foi muito positiva. Os alunos conheceram diferentes setores produtivo e, com isso, tiveram a oportunidade de relacionar na prática os conteúdos estudados nas aulas teóricas da disciplina Métodos e Técnicas da Pesquisa Científica. Eles foram estimulados, através do ensino-aprendizado, a identificar e conhecer diferentes temáticas, dentro destes setores, que servirão como subsídios para realizarem pesquisas científicas, projetos de pesquisas, de extensão, artigos científicos, resumos expandidos, entre outros”, comentou.

O professor Clebson de Souza também reforçou a importância da vivência dos alunos. Para ele, “As aulas práticas funcionam como uma espécie de catalisador para os conhecimentos adquiridos nas aulas teóricas, já que a vivência de uma experiência facilita a fixação das informações além de desenvolver as aulas práticas e experimentais, relacionando o conhecimento científico e despertar o interesse e a curiosidade dos alunos.”

Líder da turma do curso de Gestão em Agronegócio, Uesley Moreno fez uma avaliação positiva das atividades. “As visitas técnicas nos proporcionaram um conhecimento mais amplo, pois pudemos ver como realmente funciona na prática, desde a chegada de seus insumos até o processo de distribuição dos produtos”, compartilhou.

Sobre o curso

O Curso Superior de Tecnologia em Gestão do Agronegócio teve início em julho deste ano. Trata-se do primeiro curso superior público na área de Agronegócio da região norte e a primeira graduação pública totalmente presencial da regional Tarauacá-Envira. O curso vinha sendo planejado desde 2014, conforme explicou o professor Tayson Teles que ressaltou a necessidade de visitas em empreendimentos de outras cidades além de Tarauacá.

Com informações e fotos do campus Tarauacá

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página