Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Ifac lança editais do Processo Seletivo 2019.1 para cursos técnicos
Início do conteúdo da página
Campus Cruzeiro do Sul

Estudantes do campus Cruzeiro do Sul visitam Piscicultura em Rio Branco

Turma de Recursos Pesqueiros 2018/1 pôde conhecer, na prática, como ocorre o processo de reprodução de peixes

  • Publicado: Quarta, 05 de Dezembro de 2018, 16h48
  • Última atualização em Quarta, 05 de Dezembro de 2018, 16h50

 

Alunos da turma de Recursos Pesqueiros 2018/1 do campus Cruzeiro do Sul realizaram uma visita técnica à Piscicultura Nordeste, em Rio Branco. A atividade ocorreu entre os dias 27 de outubro a 03 de novembro, momento em que os estudantes puderam aprender, na prática, sobre os protocolos de reprodução induzida e semiartificial de peixes. A atividade contou com o apoio da Coordenação do Curso Técnico em Recursos Pesqueiros. A turma foi acompanhada do professor Ellan Fernandes, da disciplina Reprodução e Larvicultura de organismos aquáticos, com suporte dos técnicos Saique Oliveira e Caren Mouzinho.

Durante a visita técnica, os alunos realizaram coleta para reprodução seminatural, com coleta de ovos por sifonagem nos tanques de manutenção dos reprodutores e para a reprodução artificial os óvulos foram coletados por extrusão, e sêmen sendo coletado por espermiação. Também foram realizados procedimento de fertilização dos ovos a seco, hidratação dos ovos a seco (fertilização úmida) e a liberação dos ovos nas incubadoras, com acompanhamento da embriogênese de espécies utilizadas na região.

Os alunos aplicaram seus conhecimentos com a realização de cálculos de fertilização dos ovos, eclosão das larvas e taxa de sobrevivência das pós larvas. Eles ainda puderam observar todo o desenvolvimento larval dos peixes através de lupa esteriomicroscópica e realizaram os registros das imagens visualizadas. Por fim, atividades como despesca, manutenção e limpeza de incubadora, utilização de oxímetro para verificar oxigênio e temperatura da água também foram realizadas.

Como atividade complementar, os discentes visitaram o Projeto Tamazon (Tartarugas da Amazônia) que realiza trabalhos de conscientização, manejo e proteção de quelônios da Amazônia. O viveiro protege, atualmente, mais de 150 mil quelônios.

De acordo com o professor Ellan Fernandes, “é muito importante que os alunos saiam da instituição com algum tipo de experiência prática e mais preparados para o mercado de trabalho em que serão inseridos. Nesta atividade, o objetivo principal foi ver na prática como acontece a reprodução de peixes. Este é um mercado muito especifico, e eles tiveram a oportunidade não só de acompanhar, mas de participar dos processos. Outro aspecto observado foi que os alunos que eles puderam ter a experiência de ter a responsabilidade por algum trabalho desde limpeza a coleta dos ovos, no aspecto de gerenciamento, durante essa aula prática”, argumentou o docente.

(Com informações e fotos do campus Cruzeiro do Sul)

Fim do conteúdo da página