Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Campus Sena Madureira > Ifac abre inscrição para curso intermediário de Libras
Início do conteúdo da página
Campus Sena Madureira

Ifac abre inscrição para curso intermediário de Libras

Vagas são destinadas para servidores, estudantes e comunidade de Sena Madureira

  • Publicado: Sexta, 09 de Agosto de 2019, 17h23
  • Última atualização em Terça, 13 de Agosto de 2019, 08h26
imagem sem descrição.

O Instituto Federal do Acre (Ifac), através do campus Sena Madureira, irá realizar a primeira edição do curso de Libras intermediário. Serão ofertadas 40 vagas destinadas à comunidade, servidores e alunos do Ifac. A inscrições são gratuitas e serão realizadas no dia 12 de agosto.

Para concorrer às vagas, os interessados deverão ter concluído o curso presencial de Básico de Libras com carga horária mínima ou superior a 100h e ter idade igual ou superior a 18 anos.

O curso Intermediário será realizado no campus Sena Madureira e terá carga horária de 100h. A previsão é que as aulas sejam iniciadas no dia 19 de agosto, sendo realizadas sempre às segundas-feiras e terças-feiras, das 13h às 17h.

Faça sua inscrição pelo link
http://bit.ly/ifac_libras_intermediario

De acordo com a docente de Libras e coordenadora do curso, Ana Cláudia Campos, as inscrições serão realizadas através do formulário online http://bit.ly/ifac_libras_intermediario, a partir das 08h, do dia 12 de agosto.

No dia 13 de agosto será divulgada lista de inscritos. Os candidatos aprovados para as 40 vagas deverão apresentar documentação para matrícula no dia 14 de agosto, junto ao Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas do Ifac em Sena Madureira.

Os documentos necessários para matrícula são: cópias do RG e CPF, e ainda do certificado do Curso Básico de Libras (necessários para a conclusão da matrícula).

De acordo com a docente Ana Cláudia Campos, o curso intermediário de Libras tem o objetivo de ampliar e dar continuidade aos cursos básicos que já são realizados na instituição.

“Este projeto permitirá romper as barreiras e limitações comunicativas existentes entre surdos e ouvintes, nos diferentes espaços que as pessoas surdas queiram estar, como exemplo, o ambiente escolar, fazendo assim com que seja estabelecida uma convivência inclusiva satisfatória”, ressaltou a coordenadora do curso.

Ainda, segundo Ana Cláudia Campos, o curso Intermediário abordará os aspectos linguísticos da Libras, como também o incentivo à construção da interação por meio de uma língua gestual-visual.

Fim do conteúdo da página